No Médio Tejo, o passado cruza-se com o presente e o património cultural e religioso é complementado por deslumbrantes paisagens naturais. Conheça alguns dos símbolos da região em três dias de intensa descoberta.

Dia 1

Manhã

Monumento Natural das Pegadas dos Dinossáurios 

Siga os rastros que os saurópodes deixaram no lado ocidental da Serra de Aire há cerca de 175 milhões de anos. No Monumento Natural das Pegadas dos Dinossáurios, situado nos concelhos de Ourém e Torres Novas, existem cerca de 20 trilhos (um com cerca de 147 metros de comprimento) numa jazida que data do Jurássico Médio. As pegadas são profundas e com as impressões dos dedos ainda visíveis. Visite também o jardim jurássico e o centro de interpretação.   

Morada: Estrada de Fátima – Bairro, 2490-216 Ourém

Coordenadas GPS: 39º34’21.18”N 8º35’17.10”W

 

Museu de Aguarela Roque Gameiro

O Museu de Aguarela Roque Gameiro está instalado na “Casa dos Açores”, a qual é um exemplar notável da arquitetura e jardins do início do século XX. O edifício foi desenhado por Roque Gameiro provavelmente em colaboração com o seu grande amigo Raul Lino. Para além de uma exposição permanente, alberga um espaço dedicado à prática do desenho e da aguarela. 

Morada: Largo Justino Guedes, 2395 Minde, Alcanena

Coordenadas GPS: 39º30’46,717’’N ; 08º41’15,747’’W

 

Tarde

Vila Cardílio

Encontre na Vila Cardílio os vestígios pertencentes a uma antiga quinta romana. As escavações revelaram um conjunto de alicerces, bases de colunas e pavimentos ornamentados com vários padrões de “tesselas”. 

Morada: Estrada Municipal de Santo António da Caveira, 2350-482 Torres Novas

Coordenadas GPS: 39º27’10.61”N 8º31’43.98”W

 

Museu Nacional Ferroviário

Desvende no Museu Nacional Ferroviário o comboio presidencial, vários exemplos de material circulante e todo um conjunto de objetos complementares, como equipamentos de via e catenária, horários, tarifários, bilhetes e equipamentos de restauração. 

Morada: Rua Eng. Ferreira de Mesquita - Complexo Ferroviário do Entroncamento Apartado190, 2334-909 Entroncamento

Coordenadas GPS: 39º27’51,207’’N ; 08º28’27,490’’W


Dia 2

Manhã 

Castelo dos Templários / Convento de Cristo

A partir do Castelo dos Templários, fundado em 1160 por Dom Gualdim Pais, Mestre provincial da Ordem do Templo em Portugal, deslumbre-se com a vista da cidade de Tomar e dos territórios vizinhos, enquanto percorre o topo das muralhas.  

No interior, por ter sido construído ao longo de sete séculos, o Convento de Cristo é um compêndio de vários estilos arquitetónicos. Admire a Charola Templária, inspirada no Santo Sepulcro de Jerusalém, que materializa os estilos Românico e Bizantino. Percorra os sete claustros e descubra os estilos do Renascimento, o Gótico, o Maneirismo e o Barroco. A Janela do Capítulo, decorada com elementos representativos das Descobertas, é um símbolo da arte Manuelina.    

Morada: Colina do Castelo, 2300 Tomar

Coordenadas GPS: N - 39º 36' 14.8536" / W - 8º 25' 9.231" 

 

Vila de Dornes

Situada numa pequena península que parece invadir o rio Zêzere, a Vila de Dornes, no concelho de Ferreira do Zêzere, está envolta numa sublime paisagem natural. Visite não só a Torre de Dornes, usada pelos Templários no século XII como atalaia defensiva, mas também a Igreja de Nossa Senhora do Pranto.

Morada: Dornes, 2240-310 Ferreira do Zêzere

Coordenadas GPS: 39° 46' 17,089" N / 8° 16' 9,867" W

 

Tarde

Castelo da Sertã

O castelo de cinco quinas da Sertã está envolto em histórias tradicionais. Diz-se que foi edificado pelo capitão romano Sertório, no ano de 74 a.C., e que fazia parte de uma rede de fortificações em volta da Serra da Estrela. Contudo, recentes escavações arqueológicas concluíram que a ocupação inicial não deve ser anterior ao século X ou XI. É também o palco da lenda de Celinda, corajosa mulher que expulsou os romanos, atirando sobre eles uma frigideira (sertage) com azeite a ferver.

Morada: Castelo da Sertã, 6100 Sertã 

Coordenadas GPS: N 39º  48'17.73"  W 8º  05'55.71"

 

Aldeia de Xisto de Água Formosa 

Reviva antigas tradições na aldeia de xisto da Água Formosa. As casas, maioritariamente construídas em xisto de acordo com a traça tradicional, revelam-se por entre a natureza junto à límpida ribeira da Galega. A povoação tomou conta de uma encosta seguindo uma estrutura urbana irregular. Nas ruas estreitas apenas circulam pessoas ou animais, num ambiente que nos guia a imaginação para as histórias das gentes que no passado habitaram a aldeia.  

Morada: Aldeia da Água Formosa, Vila de Rei

Coordenadas GPS: 39º 38’ 4.81”N; 8º 5’ 59.22”W


Dia 3

Manhã

Castro de São Miguel 

Veja no Castro de São Miguel os vestígios de cerca de 50 habitações, defendidas por muralhas nos lados de mais fácil acesso. Pensa-se que este povoado terá começado a ser habitado 2000 anos a.C., mas terá tido o seu apogeu durante as guerras lusitano-romanas (entre o século III a.C. e I d.C.).    

Morada: Serra da Ladeira (Amêndoa), 6120 Mação

Coordenadas GPS: 39º40’5.14”N /  08º3’52.25”W

 

Igreja Matriz de Sardoal 

Encontre no interior da Igreja Matriz as tábuas do Mestre Sardoal. Datadas dos finais do século XV e início do século XVI, são das mais relevantes heranças artísticas do concelho.   

O edifício foi sendo alvo ao longo do tempo de um conjunto de intervenções harmoniosamente executadas, as quais lhe atribuíram um conjunto de características típicas de vários estilos, desde o gótico ao contemporâneo. 

Morada: Largo da Igreja, 2230-207 Sardoal

Coordenadas GPS: N39º 32’ 00,53’’; W08º 09’ 36,18’’

 

Aquapolis 

O Aquapolis, junto ao rio Tejo, é local ideal para desfrutar de um picnic ou praticar desportos náuticos, como canoagem. Contemple também as esculturas que habitam este espaço de lazer com caminhos ribeirinhos. A escultura mural em mármore da autoria de Santos Lopes contém uma inscrição com um excerto do poema “O Tejo é mais belo” de Fernando Pessoa.

Morada: Parque Urbano Ribeirinho de Abrantes, 2200-336 Abrantes

Coordenadas GPS: 39° 27' 10,211" N / 8° 11' 28,621" W

 

Tarde

Borboletário Tropical

Vivencie o mundo colorido das borboletas no Borboletário Tropical, situado no Parque Ambiental de Santa Margarida, em Constância. No interior, o tempo está sempre quente e húmido. É, assim, possível manter vivas, durante todo o ano, borboletas tropicais que esvoaçam por entre a vegetação.

Morada: Parque Ambiental de Santa Margarida, Estrada Municipal 592, Vale de Mestre, 2250-282 Santa Margarida da Coutada, Constância

Coordenadas GPS: 39° 26' 44,020" N / 8° 19' 8,373" W

 

Castelo de Almourol

Encontre o Castelo de Almourol numa localização de sonho. Esta fortificação militar impõe-se numa ilha escarpada a meio do rio Tejo.   

A origem do castelo está envolta em mistério, mas sabe-se que a sua ocupação é anterior a 1129, data em que foi conquistado pelos portugueses. Foi reedificado por Gualdim Pais, mestre da Ordem do Templo, em 1171. Ganhou então as atuais principais características arquitetónicas e artísticas. À época da Reconquista integrou a linha defensiva do Tejo. 

Morada: Ilha de Almourol, Praia do Ribatejo, 2260-101 Vila Nova da Barquinha

Coordenadas GPS: 39°27'43.1"N 8°23'02.3"W


  • Vila de Rei - Aldeia de Xisto de Água Formosa
  • Abrantes - Aquapolis
  • Constância - Borboletário Tropical
  • Vila Nova da Barquinha - Castelo de Almourol
  • Sertã - Castelo
  • Tomar - Castelo dos Templários e Convento de Cristo
  • Castro de São Miguel
  • Sardoal - Igreja Matriz
  • Ourém - Monumento Natural das Pegadas dos Dinossáurios
  • Alcanena - Museu de Aguarela Roque Gameiro
  • Entroncamento - Museu Nacional Ferroviário
  • Torres Novas - Vila Cardílio
  • Ferreira do Zêzere - Dornes

Simple Image Gallery Extended